7 dicas para te ajudar a escolher a melhor especialização

Para muitos alunos, completar um curso de graduação é o suficiente. Já para outros, optar pela especialização é uma oportunidade não apenas de aumentar sua competência profissional e habilidades, mas de se destacar em um mercado de trabalho cada vez mais exigente.

Entretanto, fazer a decisão por uma pós-graduação pode ser uma tarefa difícil. Com tantas opções em oferta, muitos ficam na dúvida sobre qual curso é o mais adequado.

Por isso, hoje enumeramos as 7 dicas fundamentais para conduzi-lo na busca por uma especialização. Confira:

1. Identifique sua motivação

Um diploma de pós-graduação não pode ser aquilo que você faz enquanto decide seu próximo passo. Alunos devem considerar suas motivações ao escolher a especialização e identificar as razões por trás da vontade de continuar os estudos.

É preciso, antes de tudo, ter a certeza se uma pós-graduação vai ajudá-lo com seus objetivos particulares de carreira.

Afinal, cada pós-graduação tem um objetivo específico e suas diferenças. Enquanto o doutorado e o mestrado (stricto sensu) são orientados para a pesquisa na área acadêmica, cursos especialização lato sensu, como um MBA, são direcionadas ao mundo dos negócios e aconselhados para quem busca se atualizar na profissão.

Portanto, é preciso descobrir qual curso vai atender às suas expectativas antes de fazer a escolha.

2. Reconheça suas perspectivas de trabalho

Estudantes que buscam uma especialização possuem, em geral, mais conhecimentos do que seus pares e, por isso, se diferenciam no mercado de trabalho.

Empregadores podem até mesmo segmentar graduados com uma pós-graduação e aqueles com menores qualificações.

Além disso, todos os cursos de especialização oferecem oportunidades para você expandir seu networking e melhorar as suas chances de encontrar a colocação ideal.

A pós pode aprofundar seus conhecimentos, ajudá-lo a conquistar progressão na carreira ou facilitar uma mudança de setor.

Todavia, ainda que voltar a estudar resulte em maior empregabilidade, é preciso considerar suas perspectivas de trabalho. Você está procurando uma pós-graduação para avançar em sua carreira atual? Quer mudar de área ou seu objetivo é se atualizar?

A resposta para as questões acima — e a sua aptidão para um determinado assunto — são, provavelmente, os aspectos mais relevantes da triagem.

3. Escolha um curso com o qual você se identifica

Para conseguir se decidir entre um grupo de especializações que correspondem às suas necessidades, será necessário investigar os cursos que mais se adéquam aos critérios anteriores.

Mas depois de descobrir sua motivação e reconhecer as perspectivas que um novo diploma pode agregar ao seu currículo, é hora de começar a pesquisa em si. Solicite a algumas universidades o programa de seus respectivos cursos e tente obter o máximo de informação possível.

Esse é o momento de não ter medo de fazer perguntas. Descubra se os módulos do curso interessam a você, investigue a experiência dos professores e conheça melhor as instalações e facilidades disponibilizadas pelas instituições de ensino que oferecem cursos de especialização do seu interesse.

Avalie também a opção por um curso de pós-graduação a distância. Se a sua disponibilidade de tempo é curta para deslocamentos ou se não há uma faculdade em sua cidade, um curso EAD é uma ótima oportunidade para continuar os estudos e alavancar na carreira.

4. Busque a opinião de ex-alunos

Se você seguir nossa dica anterior vai perceber que alguns cursos se destacam. E o motivo disso pode ser porque eles ficam mais próximos do seu ambiente de trabalho, são flexíveis e podem ser feitos pela internet. Ou porque oferecem matérias do seu interesse e tem um suporte incrível ao aluno.

Depois de analisar todos esses fatores, é hora de tirar um tempo pesquisando a experiência de antigos alunos. Eles ficaram impressionados com o curso? Que tipo de caminho trilharam após a obtenção do diploma?

Estudantes — atuais e anteriores — são capazes de oferecer respostas honestas para as suas principais questões. E, por isso, eles são uma excelente fonte de informação.

5. Calcule o ROI da sua especialização

Retorno sobre investimento — ou ROI — é um termo comum no mundo dos negócios e bastante usado na análise de investimentos.

Trata-se de um cálculo que tem como principal função identificar os retornos potenciais ou passados de uma determinada aplicação. O que a métrica mostra é o quanto um investidor ganhou (ou não) em relação ao valor aplicado.

O ROI funciona como um parâmetro para qualquer tipo de aplicação financeira — inclusive o dinheiro que você dedica para a obtenção de um diploma. Ele pode ser utilizado em campanhas de marketing, na compra de equipamentos e, também, no momento de decidir qual especialização é a ideal para você.

Os salários médios anuais para quem tem uma pós são maiores que os dos alunos que possuem apenas bacharelado. Graças a isso, os ganhos, muitas vezes, equilibram rapidamente o custo do curso.

Verifique quanto você vai pagar ao longo de sua formação e qual será o potencial de ganho na carreira para conseguir calcular o retorno do investimento.

6. Investigue as estatísticas e as avaliações da universidade escolhida

Com a taxa de retorno em mãos e a opinião de alunos anteriores — além de uma lista pré selecionada de cursos que atendem às suas expectativas — você deve ser capaz de chegar em um número limitado de opções que preenchem todos os seus requisitos.

Isso é ótimo! E significa que estamos próximos de escolher uma especialização, considerando todas as suas exigências. Agora, é hora de passar essa lista por escrutínio.

Em sua investigação, considere as estatísticas e avaliações das instituições de ensino escolhidas. Verifique a proporção de alunos para cada professor, o tamanho das classes e a nota atribuída a faculdade pelo Ministério da Educação.

Além disso, se você escolher cursar uma pós a distância, verifique se a faculdade escolhida está credenciada para oferecer essa modalidade de ensino. Tudo isso pode ser feito pelo e-MEC.

Essas medidas são uma forma de filtrar suas opções e apontar para a melhor direção.

7. Defina um plano financeiro

Nossa última dica é tão importante quanto todas as outras, pois a situação pode se complicar se, na hora de concluir a especialização, faltar dinheiro ou planejamento. Uma série de instituições de ensino oferecem apoio econômico, bolsas ou parcelamentos com o objetivo de facilitar a conclusão do curso.

Se a universidade escolhida não tem um plano semelhante, você deve se preparar financeiramente com antecedência. Pesquise como as taxas devem ser pagas e descubra quanto será preciso economizar para dar início a sua pós-graduação.

Há muito o que se pensar ao escolher especialização. No entanto, se você fizer isso com calma — pesquisando bem ao longo de todas as etapas — pode obter uma experiência universitária e tanto!

Gostou dessas dicas? Então, aproveite a oportunidade para assinar a nossa newsletter. Assim você recebe dicas imperdíveis como essas em seu e-mail.

Share This